trilhafull

DSC 3423

A equipe do Centro de Atenção Psicossocial - CAPS de Campo Maior foi escolhida para representar o Piauí no 34º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, que será realizado nos dias 25 a 27 de julho em Belém do Pará, no Hangar Convenções e Feiras da Amazônia. Os profissionais do CAPS irão fazer apresentação de trabalho durante a Mostra de Experiências Exitosas que terá como tema "Loucos por arte, uma forma de cuidar do CAPS de Campo Maior".

Nesta sexta-feira 20/7, o secretário municipal de Saúde de Campo Maior, Marcelo Miranda, esteve reunido com a equipe. “Quero parabenizar por representarem o Piauí e principalmente Campo Maior, aqui eles trabalham as terapias, os execícios físicos, o social, o psicológico, a auto estima: a equipe a partir do vigia, a copeira, as enfermeiras, médicos, os técnicos, se envolvem. Isso é muito importante. Todos tem cuidado e carinho com os que precisam de atenção”, destacou Marcelo.

DSC 3399

NÚMEROS E AÇÕES

Atualmente o CAPS de Campo Maior possui 3133 usuários cadastrados ofertando trabalhos terapêuticos como: acolhimento, atendimentos individuais, grupo de atividade oficina do corpo, grupo de relaxamento, oficina da horta vertical, oficina de reciclagem, oficina de culinária, projeto loucos por arte: uma nova forma de cuidado, projeto musicoterapia e atividades recreativas, visitas domiciliares e matriciamento com Atenção Básica.

A coordenadora do CAPS Glaiciane, disse que as atividades fazem o diferencial no serviço, pois tais ações são relevantes para o tratamento, uma vez que criam um momento de integração e identificação das histórias contadas para que os usuários aprendam a lidar com seus medos e ansiedade, além de proporcionar aumento na alto estima.

SOBRE O CONGRESSO

Com o tema “A saúde que queremos para o Brasil – o direito à Saúde, a organização do Sistema e o Financiamento da Política de Saúde”, o evento tem o objetivo de promover o debate sobre as principais propostas dos gestores municipais do SUS.

O encontro reúne mais de 5 mil congressistas – dentre eles gestores municipais de saúde, trabalhadores do SUS, e de todas as esferas de governo, representantes de instituições ligadas a saúde pública e autoridades. O encontro é um momento de troca de experiências e informações que impactam diretamente no fortalecimento do SUS.

DSC 3418

DSC 3414

DSC 3417

DSC 3375

DSC 3385

DSC 3390

DSC 3391

DSC 3360

DSC 3361

 

 

gard2

Pela primeira vez em Campo Maior o futebol amador ganha uma dirigente de time feminino, trata-se da técnica de Enfermagem Gardenia Alves de Holanda, " A Gardenia Fateiro", que é a presidente do Bangu Futebol Clube, tendo como vice - "Toizim Fateiro", e tesoureiro Jailson Soares. O time que já conquistou vários titulos em campeonatos amadores como do Zabelão, da Liga Maior de Futsal, Tocalha e outros agora segue com a direçao de uma mulher. A equipe é formada por membros da "Família Fateiro", a qual a nova dirigente faz parte.

Desde que o Bangu foi fundado, a técnica de Enfermagem era uma espécie de madrinha, chegando a conseguir equipamentos esportivos e apoio para a participação nos jogos e campeonatos no município e fora, em outras cidades. Em sua folga como técnica sempre acompanha as equipes nas disputas na cidade e na zona rural, incentivando os jogadores, animando eles para entrar em campo e a torcida organizada.

bbbgu

Ela assumiu a direção no dia 07 de julho, por dois anos, e vai botar o time para jogar sob a sua autorização, como estréia à frente, no dia 14 de agosto, no Campeonato do Zabelão contra o "Pimenta". O segundo jogo será no mês de julho contra "O Pitibu", do Bairro São Luís. O local não foi definido.

"Quero conseguir na minha gestão mais um título de campeão para o time", comentou, ressaltando que agora que assumiu é preciso ter coragem para enfrentar. No dia 28/07 vamos fazer o bingo de a Caixa de Cerveja, no Bar Resenha, (João Vitor) próximo ao Estadio para arrecadarmos dinheiro para preparar o Bangu para os campeonatos", destacou.

gard

Gardenia com o sobrinho Mailson - ex-presidente do Bangu

Texto - Valdamir Alvarenga

Fotos - Arquivo Bangu- Gil Galvao

O prefeito de Campo Maior, Professor Ribinha, determinou que os serviços de iluminação pública na cidade voltem a ser operados pela Secretaria de Limpeza e Iluminação Pública e anuncia a criação de um departamento para cuidar especificamente da área.
iluminacao

A decisão do prefeito foi adotada após a Câmara de Vereadores anular a sessão que criava a Parceria Público-Privada, (COSIP), que estava fazendo a instalação e manutenção da iluminação pública desde maio de 2017.

O prefeito disse que na volta dos trabalhos da Câmara de Vereadores, que está de recesso até o início de agosto, encaminhará ao legislativo Projeto de Lei criando o Departamento Municipal de Iluminação Pública. “Vai ser um órgão com estrutura mínima, mas com bastante eficiência. Será usado o mesmo pessoal que já atua nesse setor no município”, comenta o prefeito.

Professor Ribinha disse que enquanto não for criado o Departamento de Iluminação Pública os serviços serão feitos pela Secretaria de Limpeza. “Isso já vem acontecendo desde o início dessa semana”, destaca o prefeito.       

Está confirmada mais uma atração da programação cultural do Amorarte, (Feira Estadual de Artesanato dos Carnabuais), que acontece nos dias 03 e 04 de agosto na Praça Valdir Fortes. A banda Cajú Pinga Fogo dividirá o palco com Xenhenhem, Beth Moreno e as As Fulô do Sertão.
pingafogo

A feira de artesanato, que está sendo promovida pela Prefeitura de Campo Maior e organizada pela Prefeitura de Campo Maior, ainda contará com apresentações de quadrilhas juninas, bumba meu boi e bandas locais.
xenxem1

A Amorarte vai contar com mais de 70 expositores de 15 municípios. E dentro do evento será realizada uma feira de produtos agroecológico destinada para a comercialização de produtos da agricultura familiar.

pigafogo1
 
  

paraiba60pronto