trilhafull

ESTADUAL

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou, na tarde desta quarta-feira (2), o balanço final da operação Dia do Trabalhador nas rodovias federais que cortam o Piauí. Foram registrados nos cinco dias de fiscalização, 16 acidentes que resultaram em 12 pessoas feridas e 2 óbitos. A PRF flagrou ainda 613 motoristas em excesso de velocidade no feriadão.

prf 114

Ao todo, de acordo com a PRF, foram lavrados 853 autos pelas mais diversas irregularidades. Só em ultrapassagens irregulares foram 162 motoristas penalizados. “Uma das infrações que mais contribuem para mortes em acidentes de trânsito”, alerta a PRF.

Durante os cinco dias de operação, segundo a PRF, foram fiscalizados 2.884 veículos e 3.095 pessoas. 

Veja o quantitativo das infrações:

- 46 (condutores, passageiros) sem uso de cinto de segurança;
- 09 Condutores que transportavam crianças sem usar cadeirinha;
- 88 (condutores ou passageiros) de motocicletas sem uso de capacete de segurança;
- 613 Imagens de excesso de velocidade capturas em nossos radares;
- 782 Pessoas alcançadas em nossas campanhas educativas;
Ainda, nesse período foram realizados 453 testes de alcoolemia, sendo 21 pessoas multadas e 7 detidas e encaminhadas à polícia judiciária.

Com informações CV

322213444

O Governo do Estado recebeu, nesta quarta-feira (25), os kits de ajuda humanitária enviados pelo Ministério da Integração Nacional para serem entregues às famílias afetadas pelas cheias na região norte do Piauí.

O material está no galpão da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e é composto por cestas básicas, kits de limpeza, higiene pessoal, água mineral, colchões e kits dormitórios, além de kits específicos para crianças, idosos e pessoas com deficiência.

Ainda nesta semana, os kits serão entregues aos municípios de Barras, Batalha, Cabeceiras, Esperantina, Lagoa Alegre, Campo Maior, José de Freitas e Pimenteiras. Mais de quatro mil famílias receberão a ajuda. "Até o final da tarde receberemos todos os itens e iremos montar uma logística de distribuição com as prefeituras que virão buscar o material. É uma ajuda importante para essas pessoas que ficaram desalojadas e tiveram prejuízos materiais", disse o secretário de Defesa Civil, Raimundo Coelho.

Segundo o diretor de Defesa Civil, Vitorino Tavares, a princípio, cada família terá direito a uma cesta básica que vem com mantimentos para 30 dias e receberão os kits de acordo com a suas necessidades. "Cada família expôs o seu perfil no cadastro e a distribuição será baseada nisso. Existem, por exemplo, famílias que possuem idosos e crianças, outras não. Essa triagem ficou a cargo das equipes de Assistência Social e da Defesa Civil municipal", explicou.

Enquanto aguardava o apoio federal, o Governo do Estado, através da Defesa Civil, enviou ajuda humanitária para mais de três mil famílias nos municípios afetados pelas cheias.

Os kits humanitários que foram prometidos pelo Governo Federal chegaram nesta quarta-feira (25) em Teresina, 20 dias após as primeiras famílias deixarem suas casas. São vários tipos de produtos, entre eles higiene pessoal, produtos de limpeza e alimentos, que serão distribuídos nas oito cidades que tiveram decretos de emergência reconhecidos pela União: BatalhaBarrasEsperantinaJosé de FreitasLagoa AlegreCabeceirasCampo Maior e Pimenteiras.

whatsapp image 2018 04 25 at 13.11.30

De acordo com o secretário de Defesa Civil Raimundo Coelho, as prefeituras das cidades ficarão responsáveis por buscar os kits em Teresina e distribuí-los para as famílias atingidas pelos alagamentos a partir desta quinta-feira (26). O estado e as prefeituras prestam auxílio à população desde o início.

A distribuição dos kits entre as famílias deverá ser coordenada pelas prefeituras de cada município. “Os grupos de assistentes sociais e coordenadores deverão fazer a triagem dessas famílias para distribuir os kits de acordo com cada situação”, explicou o secretário de Defesa Civil.

Os kits humanitários chegam a Teresina cerca de 20 dias após os primeiros moradores dos municípios deixarem suas casas por conta do início de rompimento da Barragem do Bezerro. Posteriormente, por causa das chuvas, moradores foram para abrigos por risco de enchentes e alagamentos. O secretário Raimundo Coelho argumentou que a solicitação de ajuda precisa passar pelos trâmites legais até poder ser enviada.

“Nas cidades já está acontecendo o retorno gradativo dessas famílias. Mesmo assim, o Estado chegou antes da União levando esses mesmos kits de ajuda humanitária. Só que nossos kits tem um prazo, e o da União tem outro prazo para serem utilizados”, explicou o secretário.

Cada kit é composto pelos seguintes itens:

  • Kit Alimentação (para quatro pessoas pelo período de 30 dias): 10 kg de arroz, 3 de feijão, 2 de farinha de mandioca, 1 kg de floco de milho, 8 latas de sardinha, 1 de café, 2 de açúcar, 1 de sal, duas latas de óleo, 1 kg de macarrão, oito pacotes de leite em pó.
  • Kit Idoso (para uma pessoa por 10 dias): pacotes contendo 80 fraudas geriátricas e uma pomada preventiva para assaduras.
  • Kit Infantil (para uma pessoa por 10 dias): pacotes contendo 80 fraudas geriátricas e uma pomada preventiva para assaduras.
  • Kit Higiene Pessoal (4 pessoas 30 dias): 4 desodorantes, 4 sabonetes, 4 toalhas, 4 pacotes de absorventes, 4 tubos de creme dental e 4 escovas de dente.
  • Kit Dormitório (individual): 1 colchonete, 1 lençol, 1 fronha, 1 travesseiro.
  • Kit Limpeza Ambiente: 1 embalagem com sacos plásticos, 1 vassoura, 1 rodo, 1 pá de lixo, duas barras de sabão, 1 kg de sabão em pó, 1 balde, 1 par de luvas de borracha, esponjas de limpeza e esponjas de aço.

Com infromaões G1

A Secretaria de Saúde do Piauí enviou nota de esclarecimento nesta terça-feira (17) garantindo que o Piauí não tem notificação de casos de Influenza do tipo H1N1.

A informação, de acordo com a Secretaria, foi confirmada hoje pela Coordenação de Epidemiologia do Estado.

influenza

A nota também lembra que a campanha de vacinação contra a Influenza começa na próxima segunda, 23 de abril, nas unidades básicas de saúde, em cada município. 

Segundo o noticiário o Povo on line, em Fortaleza (Ceará), foram confirmdados até ontem 30 casos da gripe H1N1 na capital. 

Veja a íntegra da nota:

A Secretaria de Estado da Saúde tranquiliza a população: o Piauí não tem notificação de casos de Influenza do tipo H1N1. Essa informação foi dada hoje, 17, pela Coordenação de Epidemiologia do Estado.

E lembre a campanha de vacinação contra a Influenza, que começa na próxima segunda, dia 23 de abril, nas unidades básicas de saúde, no seu município. 

Fique atento se você deve se vacinar????
Pessoas acima de 60 anos de idade;
Crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias);
Gestantes;
Puérperas;
Trabalhadores da saúde;
Povos indígenas;
Grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;
Professores das escolas públicas e privadas;
Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
População privada de liberdade e 
Funcionários do sistema prisional.

Com informações CV/sesapi