trilhafull

ESTADUAL

 

Na tarde do último sábado 27/01, foi encontrado morto o policial federal aposentado João Francisco do Nascimento, 64 anos de idade, dentro de sua casa no bairro Cristo Rei na cidade de Pedro II que fica cerca de 205 Km da capital Teresina. João Francisco era natural de Campo Maior, também era formado em direito e exercia a profissão de advogado. O policial morava com a família em Teresina, sendo possuidor de uma casa em Pedro II, ele estava na cidade pois a casa estava sendo reformada.

aposentado

Os vizinhos relatam que só viram o mesmo à noite desta sexta-feira e durante a parte do dia, o mesmo não saiu. Existe a suspeita que o mesmo tenha falecido ainda durante a noite. Suspeita-se que a morte tenha sido em virtude de problemas cardíacos, mas somente a pericia poderá indicar a causa.

A polícia civil foi acionada e com a notícia, um número de populares se aglomerou em frente à residência. O corpo de João Francisco foi encaminhado para ser velado na capital do estado, onde reside sua família.

Com informações portalede

676787

Um servidor público estadual identificado como Carlos Augusto Alves Oliveira, popularmente conhecido como Gordo, 51 anos de idade, morreu no início da noite desta segunda-feira (22/01), após ser atingido por um raio na cidade de Água Branca. As informações são de que no momento em que o mesmo foi atingido, o mesmo estava em um terreno de sua propriedade, próximo à BR 343, há poucos metros da cidade.

O servidor foi levado com urgência para o Hospital Municipal Senador Dirceu Mendes Arcoverde, mas já estava sem vida. O caso aconteceu por volta das 18h30.

Carlos Augusto era servidor público estadual da secretaria de Saúde, e prestava serviço no laboratório do hospital de Água Branca.

A direção do Hospital Municipal Senador Dirceu Mendes Arcoverde emitiu Nota de Pesar pela morte do servidor; veja:

NOTA DE PESAR
Há coisas na vida que não se podem explicar, há sentimentos que não conseguimos expressar. Em momentos tristes como este, às vezes o melhor é silenciar e oferecer o nosso ombro e o nosso apoio, a fé e o amor são ferramentas que alimentam a alma dos que permanecem e luz que ilumina os que estão nesse momento com Deus.

O Hospital Municipal Senador Dirceu Mendes Arcorverde em sua imensa gratidão oferece um bálsamo de conforto aos familiares e amigos ao nosso funcionário Carlos Augusto de Oliveira conhecido como Gordo que como cidadão e cristão prestou seus serviços à população e nossa região. 

O luto é um sentimento de saudade pois não estarás fisicamente conosco mas sempre estarás eternizado em nossas memórias e lembranças. Obrigado Gordo pelo seu compromisso e trabalhos prestados, intercedemos a Deus sua condução as mansões celestiais.

São os votos de todos os funcionários do Hospital de Água Branca.

Leila, diretora do hospital de Água Branca


Fonte: Canal 121

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam amanhã 23/01 e vão até a próxima sexta-feira (26) no site do Ministério da Educação  (MEC). Ao todo, serão 239.601 vagas oferecidas em 130 instituições, entre universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e instituições estaduais.

sisu33

Podem se inscrever estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017, que obtiveram nota na redação diferente de zero e que não sejam treineiros (participantes menores de 18 anos no primeiro dia de realização da prova). É necessário informar o número de inscrição do Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no site.

O Sisu foi desenvolvido pelo ministério para selecionar candidatos às vagas das instituições públicas de ensino superior que utilizarão a nota do Enem como única fase de seu processo seletivo. A seleção é feita com base na nota obtida pelo candidato. No site do MEC, é possível consultar as vagas disponíveis, pesquisando as instituições e os seus respectivos cursos participantes.

Confira o cronograma completo do Sisu abaixo:

- 23/1 a 26/1: período de inscrições (as notas de corte serão divulgada nos dias 24, 25 e 26)

- 29/1: resultado da chamada regular

- 29/1 a 7/2: prazo para participar da lista de espera

- 30/1 a 7/2: matrícula da chamada regular

- 9/2: convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições a partir desta data

Fonte: Agência Brasil

Disponibilizado pela Justiça Eleitoral em dezembro do ano passado, o aplicativo e-Título que permite acesso, por meio do smartphone ou tablet, a uma via digital do título eleitoral, já está sendo utilizado no Piauí. Até hoje, 12 de janeiro de 2018, já foram emitidos 1.133 títulos eleitorais pelo aplicativo e-Título no Estado.

titulodigital

Para ter acesso ao documento digital, o eleitor deverá baixar o aplicativo e-Título, que já está disponível no Google Play e no App Store. Ao inserir no aplicativo, o número do seu título eleitoral, seu nome, o nome da mãe e do pai e a data de nascimento, o e-Título será validado e liberado. O e-Título foi desenvolvido em uma plataforma híbrida e pode ser utilizado por aparelhos que usam a plataforma Android e IOS.

Ao ser acessado pela primeira vez, o documento será gravado localmente e ficará disponível ao eleitor. A versão digital do título consta a foto do eleitor, mas somente aquele que já fez o recadastramento biométrico, ocasião em que foi capturada a foto junto com suas impressões digitais. Com a versão digital do seu título, o eleitor que já fez a biometria poderá se identificar e votar nas Eleições Gerais de outubro de 2018.

Contudo, os eleitores que ainda não fizeram o recadastramento biométrico podem baixar o aplicativo para usar no dia da eleição, mas terão de apresentar um documento de identificação com foto. 

Para a Justiça Eleitoral, o e-Título é uma alternativa à emissão de títulos em papel que representará redução dos custos com a impressão de segundas vias e suprimentos de impressora. Para o eleitor, o benefício consiste na facilidade de ter os seus dados eleitorais sempre seguros e disponíveis, diminuindo os riscos de extravios. O aplicativo e-Título foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) e está sendo utilizado em todo o país.

Além de obter uma via digital do seu título, ao baixar o aplicativo, o eleitor pode ter acesso a informações sobre a sua quitação eleitoral e um QR Code que pode ser utilizado para validação dessa informação fornecida pela Justiça Eleitoral.

Foto: oitomeia

Fonte: CV/TRE