trilhaoutubro2018

Motorista embriagado avança barreira e mata Policial Militar no MA

Na madrugada deste domingo (16/09), o policial militar Ozias, lotado no 16º Batalhão da cidade de Chapadinha, no Maranhão, foi morto vítima de atropelamento enquanto trabalhava em uma operação policial no município de Urbano Santos.

De acordo com a PM, guarnições da Força Tática, Grupo de Serviço Avançado e Polícia Civil montaram uma barreira policial, onde realizavam uma operação conjunta, em um trecho da MA-225, que visava abordar veículos na intenção de capturar indivíduos armados que cometeriam crimes na região. Por volta das 2h da madrugada, um veículo modelo Agile branco, com placa de Santa Inês e duas pessoas no seu interior avançou para cima dos soldados Ozias e Luís Carlo, atropelando as vítimas.

c6790e64 aa3d 43ec afa9 de11fc4b1050

Enquanto os dois policiais eram socorridos, uma parte da guarnição perseguiu e capturou os dois ocupantes do veículo, que, de acordo com a PM, estavam visivelmente em estado de embriaguez alcóolica. Eles foram identificados como Ediel de Sousa Silva, de 40 anos, que dirigia o veículo, e Gilson Araújo, de 48 anos , ambos residentes em Urbano Santos. Os criminosos foram presos em flagrante e com a dupla a polícia encontrou 349 reais, uma carabina IA2 e um carregador de carabina danificado.

Os policiais socorridos foram encaminhados para o Hospital de Urbano Santos, porém o soldado Ozias, em estado mais grave, veio a óbito enquanto era deslocado para São Luis. O soldado Luís Carlos teve apenas pequenas escoriações na mão e passa bem.

A PM informou que as barreiras eram compostas por duas viaturas devidamente caracterizadas e sinalizadas (giroflex ligados), e compostas por 8 policiais devidamente identificados.

Com informações correiroburitiense

paraiba60pronto