trilhafull

No último dia 22/02, a agência do Banco do Bradesco da cidade de Castelo do Piauí foi alvo de mais uma ação de assaltantes, os criminosos fortemente armados renderam o vigilante e explodiram a agência. 

bancoscastelo

A pouco menos de um mês do fato, o local ainda continua sem funcionar. De acordo com o sindicato dos bancários todas as agência do banco do Bradesco no interior do Piauí, funcionam atualmente sem movimentação de dinheiro em espécie. A estrategia também foi adotada pelo banco do brasil, e segundo a entidade são seis as agência do BB no Piauí que funcionam sem movimentação de dinheiro em espécie. Sendo elas nos municípios de: Angical, Curimatá, Castelo do Piauí, São Miguel do Tapuio, Miguel Alves e Jaicós.

full Jaicos

Segundo o presidente do sindicato dos bancários, "as agências só fazem serviços online "digital" sem movimentação com dinheiro em espécie, caso alguém precise fazer saques tem que se deslocar para outras cidades".

A direção do Banco do Brasil informou que só este ano 10 agências foram atacadas no Piauí, mas que de acordo com a instituição apenas os municípios de Jaicós, Angical e Castelo do Piauí, funcionam sem movimentação de dinheiro e não mais nos seis municípios como informado anteriormente. A orientação do banco é que as pessoas que precisem fazer transações em dinheiro se desloque para as cidades mais próximas.

castelobradesco

Enquanto isso a população mais pobre e os pequenos comerciantes sofrem com a falta de agências bancarias. Em Castelo do Piauí esse deslocamento chega a mais de 100 km. Os prejuízos são incalculáveis e a população de Castelo já acionou o Judiciário para tentar solucionar o problema, pois o município não possui mais nenhuma agência bancaria para fazer grandes movimentações e saques. 

Com informações MN

Um idoso de 89 anos de idade foi morto dentro de casa na cidade de Lagoinha do Piauí, a 190 km de Teresina. A vítima identificada como Frutuoso João da Silva foi encontrado sem vida na tarde da última quinta-feira 15/03. 

idoso2

Vizinhos entraram na casa da vítima pelo telhado após perceberem que a casa do idoso estava fechada há algumas horas. 

Frutuoso tinha perfuraçãoes no pescoço e na mão. Na residência não havia sinais de arrombamento e a suspeita é que o autor do crime fosse conhecido da vítima. 

A carteira e os documentos pessoais do idoso não foram encontrados. 

Com informações Notícia da Manhã

Uma mulher identificada como Jordânia Soares, 38 anos, residente na Rua G, no bairro Cruzeta,   em Guadalupe atacou o próprio marido, Deusdete Pereira da Silva, 52 anos, com golpes de facão, no momento em que ele estava dormindo por volta das 23h de quarta-feira 14/03.

mulher 3

Segundo os vizinhos, o casal sempre protagonizava muitas brigas e a mulher sempre demonstrava estar fora de controle. Populares que estavam no local informaram que a mulher cortou a mangueira do botijão de gás e tocou fogo na casa. As chamas se espalharam rapidamente, consumindo toda a casa e atingindo Jordânia, que acabou morrendo carbonizada.

Antes do incêndio, os populares ouviram gritos e ao chegarem no local, perceberam que Deusdete havia sido jogado para fora de casa pela própria mulher totalmente ensanguentado, com cortes profundos por todo o corpo, parte dos dedos de uma mão decepados  e com muita perda de sangue.

Deusdete foi atendido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhado para o Hospital Pedrina Silveira, em estado grave, por conta dos vários golpes sofridos.

Há 19 anos atrás, Jordânia Soares foi presa após jogar e matar seu próprio filho ainda pequeno no lago de Boa Esperança. Após sair da prisão, ela passou por tratamento psiquiátrico, e passou a viver com Deusdete Pereira. A união já durava 03 anos e terminou de forma trágica.

Estavam presentes no local uma guarnição do Polícia Militar e Polícia Civil, dando início às primeiras investigações sobre o caso.

Com Informações MN

Uma menina de dois anos morreu afogada dentro de um balde de água nesta terça-feira (13) no povoado Morro dos Cavalos, zona rural de Simplício Mendes, na região Sul do Piauí. De acordo com a Polícia Civil, a mãe da menina informou que a criança estava brincando perto do local onde estava o balde, tentou subir no recipiente e caiu de cabeça. O corpo foi levado para o Instituto de Medina Legal (IML).

balde

Ainda segundo a polícia, a menina ficou de pernas para cima e com a cabeça dentro da água. “A mãe relatou que estava passando pano na casa quando a filha foi para quintal, subiu no balde, caiu e se afogou. Ela estava em casa com um sobrinho que também não viu o momento do acidente. Quando eles encontraram a menina ela estava sem vida” contou um policial que preferiu não se identificar.

A criança ainda foi levada ao Hospital José Moura Fé, mas conforme a enfermeira Rute Rodrigues, chegou sem vida ao local. “A menina deu entrada na unidade de saúde por volta de 12h desta terça-feira e médico de plantão assinou o atestado de óbito”, disse a enfermeira.

O agente informou que o resultado do laudo comprovou o afogamento da menina, já que havia muita água no pulmão. Entretanto, um inquérito policial foi aberto para apurar se a mãe da menina foi negligente. “Foi um acidente, no entanto, é preciso saber se os pais podem ser responsabilizados por esta fatalidade. O pai não residia com a mãe da menina”, comentou o agente.

Com informações G1PI

paraiba60pronto