trilhaunook

POLICIAL

 

Policiais Militares do 15° Batalhão de Campo Maior fizeram a prisão de André Luiz Soares da Silva, mais conhecido como "André Pangaré", que nos últimos dias vinha aterrorizando a população de Campo Maior com vários assaltos a mão armada. Ele é suspeita de paeticipar do assalto a Drigaria Bom Preço, realizado na semana passada, no Centro de Camp Maior.
pangare

Pangaré é foragido da Colônia Agrícola Major César, em Altos, e contra ele pesam várias acusações de assaltos a mercadinhos, farmácias e padarias, além do roubo de motocicletas. A prisão de "Pangaré" ocorreu por volta da meia noite desse sábado (10), no bairro Santa Rita, em Campo Maior, após uma ação planejada dos policiais militares, que receberam informações sobre a localização do foragido.

De acordo com o Major Etevaldo Silva, Comandante do 15° Batalhão, há 15 dias que a Polícia Militar tenta localizar Pangaré. "Foram feitas algumas operações com esse objetivo. Ele costumava fazer os assaltos e se escondia na beira dos rios. Confessou que fez alguns assaltos em Campo Maior. Disse que a especialidade dele era roubar motos e assaltar o comércio", informou o Major.
pangare1

Na avaliação do Comando do Batalhão ainda existem alguns foragidos de presídios atuando em Campo Maior, mas Pangaré era um dos mais perigosos e procurados pela polícia porque praticou diversos assaltos recentes na cidade.
 

Participaram da prisão de Pangaré os sargentos Nascimento e Enilton, cabo Fonseca e soldados Vinícius, Damísia e Melo, além do reforço de uma equipe do BOPE (Batalhão de Operações Especiais), que veio de Teresina.

Policiais da Força Tática do 15º Batalhão da Polícia Militar prenderam, na manhã dessa quinta-feira, 13, um dos suspeitos de promover uma onda de assaltos em Campo Maior. A ação criminosa foi pratica por dois elementos. A prisão de um dos acusados, identificado como Dutra, aconteceu na BR-343.
asssltoscm

Policiais da Força Tática receberam, por volta das 10 horas, informações de que uma dupla havia assaltado uma moto e logo em seguida Supermercado Gonçalo, no Bairro São Luís.

Os policiais do 15° BPM iniciaram as diligências, já fazendo o acompanhamento tático na BR-343 até a entrada da cidade de Altos, onde conseguiram interceptar Dutra, com o produto do roubo (R$ 2,5 mil) e uma revolve 38 com 5 munições intactas, o autor do crime.
assaltoscm

Ele não resistiu à prisão e logo em seguida foi encaminhado ao Distrito Policial para ser autuado em flagrante pelo crime de roubo.

Um grave acidente, do tipo capotamento, aconteceu no início dessa tardem Campo Maior, na BR-343, no quilômetro 254, nas proximidades do Monumento ao Heróis do Jenipapo. O ocorrido foi registrado por volta das 13 horas, com 04 vítimas, sendo 01 fatal e 03 com lesões graves.
acidentebatalha

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu quando o motorista do Renault Sandeiro, com placas PIG 5524/PI, perdeu o controle do carro e saiu da pista, chegando a capotar.

O motorista, que até o momento ainda não foi identificado, morreu no local do acidente. Outras pessoas que ocupavam o carro, também ainda não identificadas,  sofreram ferimentos grave e foram levadas para o Hospital Regional de Campo Maior e depois transferidos para Teresina.

A Polícia Militar prendeu dois homens enquadrados na Lei Maria da Penha. O primeiro a ser detido foi um acusado identificado apenas Celino, que agrediu a própria mãe com o emprego de muita violência. Depois foi levado pelos policiais um homem identificado como André, que tentou matar a esposa com uma faca.
leidapenha1

Celino foi preso em sua casa, no Bairro Matadouro. Ele agrediu com socos e pontapés a mãe, que teve a sua identidade preservada pela polícia. A Polícia Militar foi acionada e prendeu o acusado em flagrante.

Já André foi preso, no Parque Recreio, com uma faca que ele usou para tentar matar a esposa, que também teve o nome preservado. André estava embriagado quando tentou o crime doméstico. Ele e Celino foram autuados em flagrante em crime previsto na Lei Maria da Penha.

leidapenha

paraiba60pronto