trilhaunook

POLÍTICA

Campo Maior está entre os 100 municípios piauienses que tiveram vagas ofertadas para o Programa Mais Médicos, depois do anúncio da saída dos médicos cubanos. O novo edital foi publicado nesta terça, (20), no Diário Oficial da União pelo Ministério da Saúde. Em todo o Brasil 2.824 municípios foram contemplados.
cubanos


O município de Campo Maior foi comtemplado com oito vagas e, segundo o edital do Ministério da Saúde, tem o maior número de vagas abertas para o interior do Piauí, mas ainda assim a Terra dos Carnaubais está perdendo, já que atualmente nove médicos cubanos faziam atendimentos em equipes das Estratégias de Saúde.  

De acordo com o edital, os novos profissionais devem substituir os cubanos que estão nestas cidades desde o início do programa em julho de 2013. Inicialmente estão abertas vagas para os médicos brasileiros com inscrição no Conselho Regional de Medicina (CRM) ou com diploma revalidado no país. Os profissionais podem se inscrever no site maismedicos.gov.br.

 A previsão é de que um grupo comece a trabalhar no próximo dia 3 de dezembro. Serão ofertadas 8.517 vagas e os profissionais selecionados receberão salário de R$ 11.865,60 por 36 meses, com possibilidade de prorrogação. As atividades dos médicos incluem oito horas acadêmicas teóricas e 32 em unidades básicas de saúde.
cubanos1

Com o objetivo de destravar obras e recursos para Campo Maior, o prefeito Professor Ribinha visitou, nessa sexta-feira, 16, o Ministério do Planejamento, em Brasília, e participou de uma resolutiva reunião no órgão federal. O prefeito tenta a liberação de recursos antes do final do governo Michel Temer.
brasiliaplaneja 13

Na reunião com técnicos da Secretaria Executiva do Ministério do Planejamento, o prefeito Professor Ribinha solicitou a liberação do recurso restante para a conclusão da obra da Avenida Surubim, que está 61% concluída e os créditos que faltam para finalizar a construção de uma creche e duas escolas no município de Campo Maior.
brasiliaplaneja 15

O prefeito Professor Ribinha também tratou da liberação de recursos para calçamento que estão incluídas no Orçamento Geral de 2018, oriundos de emendas parlamentares, mas que ainda não foram autorizados pelo Governo Federal. “Estamos no final do Governo Temer e não temos o sinal de que esses recursos estão sendo liberados”, disse.

brasiliaplaneja 21

Ribinha lembra que as obras de calçamento que estão sendo executadas pela Prefeitura de Campo Maior no momento, estão sendo tocadas com recursos próprios do Poder Municipal. “Estamos fazendo um esforço e planejamento para tocar obras com dinheiro do município”, destaca.
brasiliaplaneja 25

Os agentes de saúde de Campo Maior receberam uma grande notícia durante as comemorações do Dia Nacional do Agente de Saúde, nessa quarta, 14. O prefeito Professor Ribinha anunciou que vai implantar o Piso Nacional do Agente de Saúde, que reajusta de R$ 1.014,00 para R$ 1.250,00 o salário da categoria em janeiro de 2019.
acsfesta 291

Além de anunciar o piso nacional, o prefeito Professor Ribinha e o secretário de Saúde, Marcelo Miranda, entregaram o fardamento aos agentes de saúde. O secretário ainda revelou que o município vai continuar pagando o adicional à categoria, de acordo com o repasse do Ministério da Saúde.
acsfesta 296 

A presidente da Associação das ACs, Célia Maria, disse que a categoria agradece a iniciativa do prefeito e do secretário e também ao requerimento do vereador Manin Pereira, que fez a indicação da implantação do piso ao prefeito Professor Ribinha.
acsfesta 307

O piso nacional dos agentes de saúde foi aprovado pelo Congresso Nacional no final do semestre passado, através de medida provisória (MP). O benefício também abrange os agentes de combate a endemias.

Pela proposta aprovada, o piso passará, de forma gradual, dos atuais R$ 1.014 para R$ 1,5 mil mensais, em três anos (até 2021).

De acordo com o projeto, o aumento no piso ocorrerá da seguinte maneira:

Janeiro de 2019: R$ 1.250;

Janeiro de 2020: R$ 1.400;

Janeiro de 2021: R$ 1.550.
acsfesta 144acsfesta 114acsfesta 218acsfesta 227

O prefeito de Campo Maior, Professor Ribinha, assina nessa segunda-feira, 05.11, o decreto que cria o Programa municipal Vida no Trânsito, que dará autonomia para a atuação da Comissão Municipal do PVT. A solenidade aconteceu durante a visita de uma equipe de técnicos do Ministério da Saúde a Campo Maior.
transitocomissao

As equipes técnicas do Ministério da Saúde e da Secretaria Municipal do Piauí estarão em Campo Maior por volta das 14 horas. Além de assinar o decreto, o prefeito Professor Ribinha também fará a apresentação do Plano de Ação para melhorar o trânsito em Campo Maior.

A solenidade está marcada para às 14 horas, no auditório do Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão. (CIAC), antigo Espaço Cidadão.

O Projeto Vida no Trânsito (PVT) é uma iniciativa brasileira voltada para a vigilância e prevenção de lesões e mortes no trânsito e promoção da saúde, em resposta aos desafios da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Década de Ações pela Segurança no Trânsito 2011 – 2020.

Campo Maior é o município piloto, (cidade referência), desse projeto nacional no Piauí. “Temos desenvolvido ações, mas é preciso avançar ainda muito mais. E essa institucionalização do programa em Campo Maior e a criação de um plano de ação já é começo de tudo”, lembra o prefeito Professor Ribinha.

paraiba60pronto