trilhaoutubro2018

POLÍTICA

3222

Duas chapas disputam a eleição da presidência da Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Campo Maior para o triênio 2019-2021. A "OAB MAIOR" tem como candidato a presidente o renomado advogado Gilberto Azevedo e vice: Layse Neves.

Além de Gilberto Azevedo compõe também a chapa os advogados Weverton Macedo (secretario), Rondnney Oliveira (Secretario Adjunto) e Tiago Teixeira (tesoureiro). 

A eleição acontece no dia 24 de novembro e estão aptos a votar os advogados adimplentes com domicílio na região da subseção de Campo Maior que engloba ainda as cidades de: Castelo do Piauí e São Miguel do Tapuio.

A NÍVEL ESTADUAL

A chapa encabeçada por Gilberto Azevedo em Campo Maior apoia a nível estadual a chapa da situação encabeçada por Lucas Villa, atual vice-presidente da seccional. A chapa é composta ainda pela advogada Naiara Moraes como candidata vice-presidente.

6565700

 

 

Antonio Félix é entrevistado na rádio Meio Norte

O candidato a Deputado Estadual, Antonio Félix (PTC) foi o entrevistado na rádio Meio Norte de Campo Maior pelos jornalistas Pedro Borges e Káttia Rodrigues. O candidato falou sobre suas propostas para a cidade. “Pretendemos realizar vários projetos que visem a geração de emprego e renda para os campomaiorenses. Nosso município possui muitas riquezas que precisam ser exploradas como a agricultura, pecuária e extrativismo vegetal, entre outros”, disse.

 

Candidato a deputado estadual, Devan realizou caminhada em Campo Maior

O candidato a deputado estadual Devan Eugênio (PR) reuniu vários simpatizantes e realizou a primeira caminhada da 'Onda Amarela', que teve concentração na Chácara Eugênio, em Campo Maior. 'Devan Devan', como é mais conhecido, acompanhado dos irmãos Dernon e Dra. Helderlene, estiveram com militantes e percorreram várias ruas do bairro Lourdes, avenida Santo Antônio e parte da Orla do Açude, onde discursou rapidamente.

Uma das propostas, segundo ele, é lutar pela internet grátis pelos jovens e falou das necessidades de mais oportunidades de emprego na cidade.
'Devan Devan', como é mais conhecido, acompanhado dos irmãos Dernon e Dra. Helderlene, estiveram com militantes e percorreram várias ruas do bairro Lourdes, avenida Santo Antônio e parte da Orla do Açude, onde discursou rapidamente.

 

Candidato Deputado Paulo Martins finalizou ciclo de plenárias

Uma campanha de respeito, pautada em propostas e compromissos! É assim que está sendo a caminhada de Paulo Martins rumo à Assembleia Legislativa. Durante a semana o candidao finalizou o ciclo de plenárias com colaboradores, apoiadores, multiplicadores e lideranças de Campo Maior, sob a coordenação do prefeito Professor Ribinha. 

3434322

Termina nesta quinta-feira (27/09) o prazo para o eleitor solicitar a segunda via do título no cartório eleitoral da zona onde está cadastrado. O documento não é o único aceito no pleito de outubro e o eleitor pode se apresentar com outros, desde que seja oficial com foto, como a carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira de motorista ou passaporte.

Para solicitar a segunda via do título, o eleitor deve estar em dia com a Justiça Eleitoral, ou seja, não poderá ter débitos pendentes, como multas por ausência às urnas ou aos trabalhos eleitorais, como o de mesário, ou ainda ter recebido multas em razão de violação de dispositivos do Código Eleitoral (Lei 4.737/1965), da Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) e leis conexas. Multas devem ser pagas por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) emitida pelo cartório eleitoral e podem variar de R$ 1 a R$ 35,14.

Título digital

Eleitores que estiverem com a situação regular também podem optar pela versão digital do título de eleitor que pode ser obtida gratuitamente por meio do aplicativo e-Título, disponível para smartphones gratuitamente nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

O e-Título também serve como documento de identificação do eleitor caso ele já tenha feito o recadastramento biométrico. Isso porque a versão digital será baixada com foto, o que dispensa a apresentação de outro documento de identificação no momento do voto.

Pelo aplicativo é possível saber o local de votação e, por meio de ferramentas de geolocalização, até sua seção eleitoral. Além disso, ele também oferece serviços como a emissão de certidões de quitação eleitoral e negativa de crimes eleitorais.

O local de votação também pode ser conhecido com uma pesquisa simples no portal do TSE, por meio da seção Serviços ao eleitor “Título de eleitor”, título e local de votação. A consulta pode ser feita pelo nome do eleitor ou número do título, data de nascimento e nome da mãe. Os eleitores que perderam o prazo final do alistamento, no dia 9 de maio, não poderão votar nas Eleições de 2018. Essa foi a data limite para requererem inscrição eleitoral, transferência de domicílio, alteração de título eleitoral ou transferência para seção eleitoral especial (eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida).

 

Jair Bolsonaro candidato à Presidência pelo PSL, “mantém-se consciente e em boas condições clínicas” na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, informou boletim médico divulgado na manhã deste sábado (8). Ele foi movimentado do leito para uma poltrona.

O presidenciável está internado desde sexta-feira (07) no hospital na Zona Sul de São Paulo se recuperando de uma facada levada durante ato de campanha no Centro de Juiz de Fora (MG), na tarde de quinta (6). De acordo com o boletim, não houve intercorrência nas últimas 24 horas. “Os exames de imagem e laboratoriais realizados durante avaliação médica mostraram resultados estáveis. Encontra-se em boas condições cardiovascular e pulmonar, sem febre ou outros sinais de infecção.”

61cbb8bc96308075ca00fdcf7ab69734

Ainda de acordo com o boletim, o candidato “mantém jejum oral, recebendo nutrientes por via endovenosa”. “Está mantida a continuidade no tratamento clínico com boa evolução, sem necessidade de procedimento no momento”, completa o comunicado, assinado pelos médicos Antônio Luiz Macedo, Leandro Santini Echenique e Miguel Cendoroglo.

Nesta tarde, Flávio Bolsonaro, um dos filhos do presidenciável, postou nas redes sociais uma foto do pai sentado em uma poltrona na UTI. O boletim anterior divulgado na tarde de sexta, afirmou que "o tratamento iniciado anteriormente em Juiz de Fora (MG) está sendo continuado", e que ele estava "consciente e em boas condições clínicas".
Em sua conta no Twitter, Bolsonaro afirmou que está bem e se recuperando e agradeceu à família e aos médicos.

Segundo a cúpula do Einstein, os principais riscos que serão monitorados são pneumonia (pois o candidato ficou muito tempo em choque e perdeu cerca de 2 litros de sangue) e infecção (por causa do vazamento de massa fecal na cavidade abdominal).
A previsão de internação é de sete a dez dias. A retomada das atividades só deve ocorrer em 20 dias.

Pós-operatório

Bolsonaro estava internado na Santa Casa de Juiz de Fora, em Minas Gerais, onde passou por uma cirurgia após o ataque que sofreu (entenda a operação ao final da reportagem). O médico do Albert Einstein que foi a Juiz de Fora, o gastroenterologista Antonio Luiz de Vasconcellos Macedo, gravou um vídeo em que elogiou a equipe da Santa Casa.
“O deputado já estava acordando, já estava bem consciente, ele recebeu pouca transfusão de sangue em função do grave sangramento que ele teve. E hoje, apresentando melhora, nós optamos, juntamente com a equipe de Juiz de Fora, trazê-lo para cá e vamos continuar o tratamento dele no Hospital Israelita Albert Einstein”, acrescentou na sexta.

A transferência foi feita via aérea, em um avião UTI, na manhã de sexta, até Congonhas. De lá, o candidato foi levado pelo Helicóptero Águia, da Polícia Militar paulista, até o Palácio dos Bandeirantes, sede do governo estadual e vizinha do hospital. Uma ambulância do próprio Einstein o levou do palácio ao centro médico.

Fonte: G1

paraiba60pronto