trilhafull

POLICIAL

 

Um desentendimento familiar terminou com um homem esfaqueado na manhã desta segunda-feira 19/03, no bairro Recreio em Campo Maior. De acordo com as primeiras informações, o jovem de 17 anos de idade, de iniciais V. M, teria discutido com seu padrasto, um homem de aproximadamente 56 anos, identificado como Luis Moura da Silva. Ela teria pego um fação e desferiu pelo menos três golpes contra o homem.

jovempai

Uma equipe do SAMU foi acionada e a vítima foi encaminhada para o Hospital Regional de Campo Maior, com ferimentos na região da barriga e nas costas. O jovem tentou fugir mas logo foi preso por policiais e encaminhado para a Delegacia Regional de Campo Maior, onde está sendo ouvido.

Um homem identificado por Carlito foi alvejado com dois tiros no pescoço durante uma briga na tarde deste domingo (18) na Vila Papi, em Campo maior. O comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar, Etevaldo Silva, informou que ao tomar conhecimento do ocorrido, determinou que as equipes do 15° BPM iniciassem as diligências para localizar e prender os acusados pelo crime.
papelotes3

Os policiais sob o comando do sargento Enilton conseguiram prender um homem identificado como Magrão, que é acusado de ser parceiro de crimes de Maradona, responsável pelos tiros contra Carlito. Com ele os policiais encontraram 160 papelotes de maconha e uma faca.

De acordo com Etevaldo Silva, o acusado é parceiro de crime de um homem identificado como Maradona. Magrão já foi preso diversos vezes por envolvimento com tráfico de drogas e porte de ilegal de arma de fogo. Dessa vez a droga foi encontrada enterrada no quintal da casa do acusado. 
papelotes1

Segundo major os envolvidos no crime e a vítima estavam jogando em um bar. Houve um desentendimento entre os jogadores . Carlito teria se desentendido com um dos jogadores e  Maradona investiu contra o Carlito, efetuando dois disparos de arma de fogo.
papelotes2

Uma mulher chamada de Elisa Amélia Rodrigues, usou sua página pessoal no Facebook para comemorar a morte do delegado de Polícia Civil, Jorginho que faleceu na manhã desta quarta-feira 14/03, vítima de um infarto fulminante em sua residência na capital Teresina. A publicação foi apagada horas depois.

mulherde

Na postagem ela escreveu: "Agora infeliz, tu vai saber das maldades que tu fez com as pessoas......", a mulher usou de várias palavras para descrever o seu comentário.

Após a postagem do comentário que está circulando na internet causou revolta, mas também apoiadores.

Uma mulher foi agredida a golpes de faca na manhã desta sexta-feira (09), no cruzamento entre as avenidas Frei Serafim e Desembargador Pires de Castro. 

Segundo informações, Maria Nazaré de Sousa Pereira, de 40 anos, estava trabalhando próximo ao semáforo quando um homem, ex-companheiro da vítima ainda não identificado, começou a agredir Maria Nazaré. Para tentar se defender, ela foi para a calçada, mas continuou sendo violentada.

facadamulher

“Ela estava trabalhando no sinal, quando ele a viu, foi atrás já com a faca na mão para esfaqueá-la. Eu tentei separar jogando uma pedra daí conseguiram segurar ele”, conta Carlos Eduardo, uma das testemunhas.

O suspeito, atigindo por pedras e socos das testemunhas no local foi levado ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) pela delegada Vilma Alves, titular da Delegacia da Mulher, que esteve no local. Ele passará por uma cirurgia na mão. A delegada afirma que o casal havia terminado o relacionamento há três meses. 

Maria Nazaré foi socorrida e também levada ao HUT, segundo o hospital os golpes não atingiram nenhum órgão vital, mas ela ficará em observação.    

Com informações Portalaz

paraiba60pronto