trilhafull

REGIONAL

 

A Polícia Militar do município de Aroazes prendeu na manhã de domingo (19), um jovem acusado de estuprar uma criança de 6 anos no município. A vítima se trata de um garoto que teria desaparecido durante uma festa.

O menino estava na companhia da mãe que sentiu falta do garoto já na madrugada de domingo e começou a procurá-lo, mas foi informada por outras pessoas que estavam na festa que seu filho foi visto saindo do local na companhia de um homem.

97676801 ce1e 40fd a53b c944ab09bc8e

Uma viatura da polícia foi acionada e iniciou as buscas na região até que encontrou o suspeito com o garoto em uma mata próximo ao clube onde a festa estava sendo realizada.

O menino foi encaminhado para o Hospital regional Justino Luz, em Picos, onde foram realizados exames que constataram o estupro.

O suspeito foi preso em flagrante e está preso na delegacia local.

Com informações cidadenanet/MN.

A Polícia Civil do Piauí, através da 4ª Delegacia Regional em Piripiri, no Norte do Estado,  deflagrou na manhã desta quarta-feira (08) a Operação Rapina, visando cumprimento de mandados de prisão por assalto a mão armada na cidade de Piripiri. Ao todo foram presos 7 indivíduos.

d870aa1a 14af 4b5e b691 0940f7861462

"A Polícia Civil de Piripiri instaurou vários inquéritos policiais para investigar os assaltos ocorridos na cidade, nessas investigações chegamos a quatro adolescentes e um adulto envolvidos nos crimes. Diante disso representamos ao Poder Judiciário desta comarca que, após parecer favorável do Ministério Público, concedeu os mandados que foram cumpridos pela Polícia Civil na manhã de hoje.", informou o delegado regional Dr. Jorge Terceiro.

A Polícia Civil também efetuou diligências para elucidação do crime de latrocínio ocorrido na noite passada na localidade São Luíz em Piripiri, local onde um comerciante foi morto na ação criminosa. A Polícia Civil não apenas identificou como localizou e prendeu em flagrante a dupla de autores do crime, localizando em poder destes a arma utilizada além das vestimentas e motocicletas utilizadas no crime.

 (Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
(Crédito: Divulgação/Polícia Civil)

"A dupla de latrocida está sendo autuada em flagrante por pratica do crime de latrocínio consumado e será recambiada para o sistema prisional junto com os demais presos da operação", afirmou o delegado Ricardo Oliveira.

Na operação foram apreendidas 04 (quatro) motocicletas, 01 (uma) arma de fogo tipo revólver calibre 32 municiado, 01 (um) simulacro de arma de fogo além de máscara e vestimentas utilizadas na prática dos crimes.

 (Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
(Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
 (Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
(Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
 (Crédito: Divulgação/Polícia Civil)
Com informações PC/MN

O homem identificado como Raimundo Nonato da Rocha foi morto a golpes de faca em um bar em Cocal, a 268 km de Teresina, em um terreno onde um parque de diversões é montado. De acordo com informações preliminares obtidas pela Polícia Militar, o suspeito pelo crime foi identificado, e possivelmente seria primo da vítima.

Segundo a Polícia Militar, o homicídio aconteceu por volta das 14h de sábado (4). De acordo com informações repassadas por testemunhas à PM, Raimundo Nonato e outro homem bebiam juntos em um pequeno bar quando discutiram e começaram uma briga.

cov

Durante a briga, Raimundo foi ferido com pelo menos três golpes de faca. De acordo com o tenente Carlos, da Polícia Militar do município de Cocal, um homem que seria um primo da vítima foi identificado como o autor das facadas. Depois do homicídio o homem fugiu do local.

A Polícia Militar foi acionada e isolou a área do crime. O bar onde o homicídio aconteceu fica no mesmo terreno onde um parque de diversões está sendo montado. A PM está em diligências para localizar o suspeito.

Com informações blogdocoveiro/G1.

656565

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) decidiu nesta segunda-feira (30) revogar a Resolução Normativa 433/2018 que, entre outras mudanças propostas, incluía a cobrança de coparticipação e franquia em planos de saúde. A nova norma estabelecia um limite de até 40% de coparticipação dos consumidores nas despesas médicas e hospitalares.

A decisão foi tomada durante a 490ª Reunião Ordinária de Diretoria Colegiada. A ANS “decidiu reabrir as discussões sobre a proposta de regulamentação dos mecanismos financeiros de regulação: coparticipação e franquia em função da apreensão que o tema tem causado na sociedade”.

O órgão pretende realizar uma nova audiência pública, ainda sem data marcada, mas nos moldes da realizada nos últimos 24 e 25 deste mês, que tratou da “Política de preços e reajustes na saúde suplementar”.

Em nota, a ANS disse ainda que “se reunirá com as principais instituições públicas que se manifestaram sobre a matéria, com o objetivo de ouvir suas sugestões para a construção de um entendimento uniforme sobre o assunto”.

Editada em 27 de junho, a Resolução Normativa 433 entraria em vigor em dezembro, mas este mês (16) foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, decidiu pela suspensão após a OAB entrar com uma medida cautelar.

“A referida resolução foi muito além e desfigurou o marco legal de proteção do consumidor no país, ‘tendo usurpado’, da competência do Poder Executivo (e também do Poder Legislativo) por parte da Agência Nacional de Saúde Suplementar, que arvorou-se a regulamentar matéria – mecanismos de regulação financeira (franquia e coparticipação) - sem a devida competência para tanto e, ainda, sem o devido processo legislativo”, diz a OAB na ação.

Fonte: Com informações da Agência Brasil

paraiba60pronto