trilhaunook

REGIONAL

 

DSC 7207

Levar para a zona Rural os serviços médicos que geralmente só estão disponíveis na cidade é o principal objetivo do Programa Saúde no Campo. A Prefeitura de Campo Maior através da Secretaria Municipal de Saúde disponibilizou nesta quinta-feira 28/02, na Localidade Corredores profissionais para atender cerca de 150 pessoas.


O prefeito Professor Ribinha, que estava acompanhado do secretário Marcelo Miranda e pelos vereadores Manin Pereira e Neto dos Corredores esteve na comunidade acompanhando as atividades, ele destacou a importância do programa para os moradores das localidades rurais.


“Estamos aqui em uma comunidade distante de Campo Maior onde trouxemos aqui diversos serviços, podemos dizer que na verdade é um mutirão de saúde que está atendendo todas as localidades vizinhas. Nosso compromisso é esse, de continuar trabalhando e programado ações como essa”, destacou.

DSC 7199

DSC 7155


Durante todo o dia foram disponibilizados vários serviços como: atendimento médico, nutricional, odontologia, fonoaudiologia, ginecologia, odontologia, fisioterapia, exames laboratoriais, imunização, shantala, além de exames de prevenção e diagnóstico do pé diabético.


Em sua fala o secretário Marcelo Miranda agradeceu ao prefeito por ter dado condições para a realização do evento e apoio de toda população.

“Nós planejamos levar saúde exatamente em locais de difícil acesso, então estamos aqui, temos dois médicos fazendo até pequenas cirurgias, coisa que a população teria que se deslocar até a cidade, quero aqui agradecer também presença dos vereadores Neto dos Corredores e Manin Pereira, que é importante à presença do Legislativo para endossar e participar de ações como essa aqui na região”, destacou Marcelo.

00999

DSC 7149

DSC 7137

DSC 7121

DSC 7161

DSC 7189

DSC 7210

DSC 7217

DSC 7147

099898

DSC 7165

77765458

DSC 7169

DSC 7232

DSC 7225

DSC 7222

DSC 7220

DSC 7131

DSC 7188

DSC 7190

DSC 7193

DSC 7253

0998776

3434555

A Polícia Rodoviária Federal do Piauí realizou nos dias 25 e 26 de fevereiro a Operação Abre Alas na região do município de Piripiri, Norte do estado com o objetivo de fiscalizar pessoas e veículos neste período que antecede o Carnaval.

A operação pré-carnaval na região fiscalizou mais de 210 veículos e pessoas nos dois dias de fiscalização e retirou de circulação 38 veículos por irregularidades não sanadas no local, como licenciamentos vencidos, ausência de condutores habilitados e falta de equipamentos obrigatórios. Em sua maioria, os veículos irregulares se tratavam de motocicletas.

Um total de 158 autos de infração foram lavrados pelos agentes. Mais uma vez, o destaque para as autuações foi em relação a motociclistas sem o capacete de segurança. Dessa vez foram 37 flagrantes pela equipe PRF. Os condutores foram autuados pela infração gravíssima no valor de R$ 293,47 além de somarem 7 pontos no prontuário da CNH e terem processo administrativo para a suspensão da mesma. Já os testes de alcoolemia acusaram somente um condutor sob efeito de álcool, de um total de 23 testes realizados.

A PRF segue com a operação abre alas até o dia 28 deste mês, com trabalhos pontuais em localidades estratégicas no intuito de retirar de circulação veículos e condutores em desacordo com as normas de trânsito brasileiro, visando o grande movimento nas estradas no feriado de carnaval que se aproxima.

9002121

O delegado Ademar Canabrava, do 12º Distrito Policial, informou que um funcionário da rede de fast food Mc Donald's confessou participação no assalto ao estabelecimento. João Paulo teria dado informações privilegiadas à quadrilha que tentou roubar o cofre da lanchonete na semana passada.

Em entrevista à TV Cidade Verde, o delegado Canabrava contou que o funcionário fez uma delação premiada e confessou que tinha maior ligação com Alípio Moreira de Sousa Neto, 23 anos, morto em troca de tiros com a polícia durante a ação criminosa.

“Ele diz que era bastante assediado pelo Alípio e no assalto podia ser beneficiado”, disse o delegado.

O funcionário compareceu nesta quinta-feira (21) ao 12º Dp acompanhado de uma advogada. Em depoimento, ele contou à polícia que receberia uma recompensa financeira pela “colaboração” com os assaltantes. O delegado Ademar Canabrava diz que a quadrilha que praticou o assalto tem integrantes perigosos e várias ramificações.

“Isso é só o começo. Temos mais pessoas sendo investigadas. Essa quadrilha é muito grande, um quartel general. Tem gente que cedeu armas tem passagem por roubo de carros”, adianta o delegado.

Canabrava pediu prorrogação de prazo para concluir o inquérito. Ficará à critério do Ministério Público e da Justiça os “benefícios” que o funcionário deve receber por ter feito a delação à polícia.

O delegado adianta que ele será indiciado por associação criminosa, junto com os outros três suspeitos, que permanecem presos preventivamente.

Na semana passada, o juiz Jorge Cley Martins, da Central de Inquéritos, converteu em preventiva a prisão de William dos Santos, Leonardo Clério Marques de Melo e Jean Carlos Rodrigues. Os três são suspeitos de participar do assalto. Na ação criminosa os assaltantes trocaram tiros com a polícia e um deles morreu. Alípio Moreira de Sousa Neto, 23 anos, era funcionário comissionado do metrô de Teresina.

66609

Um caminhão carregado de placas de zinco tombou na rotatória da Usina Santana no km 340 da BR-343, na tarde deste domingo(17). O motorista que ficou presos às ferragens saiu ferido.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para retirá-lo das ferragens, no entanto, o Samu que também compareceu ao local, conseguiu fazer o socorro e encaminhá-lo ao hospital.

Os bombeiros fizeram a contenção do combustível. O caminhão é de Timon e estava na direção Teresina-Altos.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) que também esteve no local vai investigar as causas do acidente. O material continua no acostamento.

paraiba60pronto